Passar para o conteúdo principal
Notícias
19/04/2024
A tomada de posse dos quatro novos representantes do Conselho de Representantes do ISEL, decorreu nos Serviços da Presidência, no dia 3 de abril.  A estudante Mariana Silva integra, pela primeira vez, o Conselho de Representantes do ISEL enquanto que os estudantes Susana Campos e João Graça foram reeleitos. Paulo Barroca torna-se o segundo representante do corpo não docente. A composição dos membros docentes mantém-se.   Elmano Margato, Presidente do Politécnico de Lisboa (IPL), congratulou os novos membros conselheiros, reafirmando a sua visão de que o Conselho de Representantes deve ser um órgão democrático e representante do corpo docente, não docente e estudantil. O Conselho de Representantes do ISEL, constituído por 15 membros, atualmente presidido pelo docente António Jorge Silvestre, é o órgão representativo da comunidade académica do ISEL, a quem compete a fiscalização do cumprimento da Lei e dos estatutos da Escola de Engenharia do IPL.   Flickr photos from the Tomada de Posse dos membros do Conselho de Representantes do ISEL album. Ver no flickr Imagens:GCI/IPL
19/04/2024
Foi recentemente publicado pela Wiley o livro "Catalysis for a Sustainable Environment: Reactions, Processes and Applied Technologies". A professora e investigadora Elisabete Alegria (DEQ/ISEL) é uma das editoras, desta publicação com 3 volumes, para além dos investigadores Armando J. L. Pombeiro, Manas Sutradhar. O livro aborda o uso da catálise em várias vertentes, incluindo catálise homogénea, suportada e heterogénea, assim como foto- e eletrocatálise, em prol de um ambiente sustentável. O texto promove a interdisciplinaridade na sustentabilidade ao ilustrar perspetivas modernas na catálise, provenientes de áreas como a química inorgânica, orgânica, organometálica, bioinorgânica, farmacêutica e analítica, juntamente com a engenharia química e a ciência dos materiais. A biblioteca do ISEL é detentora de um original gentilmente cedido pela professora Elisabete. A professora Elisabete Alegria  é licenciada em Engenharia Química pelo ISEL e doutorada em Química pelo Instituto Superior Técnico (IST/UL). É membro integrado do Centro de Química Estrutural (CQE/IST), tendo já publicado dezenas de artigos científicos em revistas internacionais com arbitragem, capítulos de livros e, artigos em atas de conferências internacionais e nacionais. Pontos de venda: https://www.amazon.com/Catalysis-Sustainable-Environment-Reactions-Technologies/dp/1119870526 https://www.indigo.ca/en-ca/catalysis-for-a-sustainable-environment-reactions-processes-and-applied-technologies-3-volume-set/9781119870524.html
11/04/2024
O projeto IProPBio, que decorreu 1 de janeiro de 2018 e 31 de outubro de 2023 financiado sobre o programa: Excellent Science – Marie Skłodowska-Curie Actions, do qual o ISEL foi Instituição participante, mereceu recentemente um elogio do Comissão Europeia, H2020 com a publicação de um artigo sobre o projeto onde se refere: “IProPBio promoveu importantes contributos para uma bioeconomia mais sustentável na Europa. Ao longo do projeto, mais de 100 artigos científicos foram publicados”.  Este projeto teve como investigador responsável no ISEL o Professor José Paixão Coelho (DEQ/ISEL). O objetivo geral do IProPBio foi trocar conhecimentos teóricos e experimentais complementares entre investigadores, ao mesmo tempo em que procura respostas inovadoras para questões importantes. O IProPBio foi dividido em 4 pacotes de trabalho voltados para pesquisa mais dois pacotes de apoio para compartilhamento interno de conhecimento e disseminação de resultados. Caracterização de matérias-primas alternativas e produtos de alto valor; análise de dados termodinâmicos e previsão de propriedades; fluxogramas tecnológicos alternativos para a conversão económica e ecocompatível de resíduos de biomassa em produtos de elevado valor; estudos de integração massiva e energética para reduzir desperdícios e aumentar a rentabilidade; a avaliação do ciclo de vida para determinar a contribuição líquida dos melhores projetos para a poluição ambiental são as principais questões abordadas nos pacotes de trabalho. O IPropBio terá um impacto significativo: A competitividade da bioeconomia da UE. Potencial dos participantes e perspetivas de novas operadoras. Intercâmbio e transferência de conhecimentos multidisciplinares de alta qualidade, conhecimentos avançados, investigação e inovação entre participantes académicos e não académicos nos Estados-Membros da UE e em países terceiros, através da divulgação dos resultados alcançados a grupos-alvo e ao público em geral. O artigo foi publicado no sítio Web CORDIS em seis línguas, com o seguinte endereço: https://cordis.europa.eu/article/id/450457-an-integrated-approach-to-biomass-valorisation?WT.mc_id=exp
08/04/2024
É com consternado pesar que vos informamos do falecimento da Professora Paula Cantinho.  Docente do Departamento de Engenharia Química durante 30 anos, dedicados ao ISEL, de onde se destaca a sua vertente no ensino e na pedagogia.  Doutorou-se em 2018, pela Universidade de Lisboa, em Engenharia do Ambiente. Entrou no ISEL em 1994 como Equiparada a Assistente de 2º Triénio, foi Equiparada a Professora Adjunta entre 1998 e 2011 e Professora Adjunta a partir de 2011.   Nos últimos anos foi uma lutadora contra a doença que a atraiçoou.    Neste difícil momento, os muitos amigos que deixa no ISEL endereçam à família da Professora Paula as mais sinceras e sentidas condolências. Viverá para sempre na memória da comunidade do ISEL.
03/04/2024
Decorreu no passado dia 18 de março a cerimónia de tomada de posse dos representantes do corpo docente e não docente no Conselho Geral do Politécnico de Lisboa, para o período de 2024 a 2027, eleitos a 1 de fevereiro de 2024. Ana Maria Bettencourt, presidente cessante do Conselho Geral, na cerimónia solene, empossou os membros eleitos para integrar o Conselho Geral do IPL, entre os quais os professores do ISEL Cátia Vaz (DEETC/ISEL) e Carlos Meneses (DEETC/ISEL). A professora Ana Catarina Sousa (DEQ/ISEL), também eleita, não esteve presente por estar em missão do IPL no estrangeiro. Vanessa Glória foi reeleita enquanto representante dos funcionários não docentes.  A eleição para os representantes docentes teve como resultado: Cátia Vaz (ISEL), Amadeu Ferro (ESTeSL), Maria Carlos Annes (ISCAL), Fernanda Bonacho (ESCS), Abel Arez (ESELx), Ricardo Pinheiro (ESML), Marta Mendes (ESTC), Ângelo Neto (ESD), Ana Catarina  Sousa (ISEL), Paulo Costa (ISCAL), Rute Borrego (ESTeSL), João Rosário (ESCS), Carlos Meneses Ribeiro (ISEL), Lina Vieira (ESTeSL), Fernando Seabra (ISCAL), André Sendin (ESCS) e Antónia Estrela (ESELx). Após a cerimónia de tomada de posse seguiu-se a primeira reunião do novo Conselho Geral, onde foi eleita a lista de cooptados constituída por personalidades externas de reconhecido mérito, não pertencentes à Instituição, com conhecimentos e experiências relevantes para o Politécnico de Lisboa.  Com a maioria dos votos, os cooptados eleitos foram:  David Justino - antigo Ministro da Educação e presidente do Conselho Nacional de Educação; Susana Graça - vogal executiva do conselho de administração da EGEAC; Paula Franco - Bastonária do Ordem dos Contabilistas Certificados; Francisco Santos - vice - presidente da FCT, Fundação para a Ciência e Tecnologia;   Luís Osório - jornalista, dirigiu jornais e estação de rádio; Cristina Amaro - licenciada pela Escola Superior de Comunicação Social (ESCS), autora e rosto do programa televisivo Imagens de Marca; Teresa Martins - coordenadora de projetos na área da educação na Fundação Aga Khan; Luísa Cerdeira - antiga administradora da Universidade de Lisboa e presidente da FORGES- Fórum da Gestão do Ensino Superior nos Países e Regiões de Língua Portuguesa até 2018; Natanael Vinha - chefe de gabinete da secretária de Estado da Administração Pública;  Bruno Mota - licenciado pelo Instituto Superior de Engenharia de Lisboa (ISEL), fundador da Bold International, empresa de consultoria tecnológica. A lista de suplentes é composta por: José Carlos Cerqueira, Manuel Puerta da Costa, Iolanda Rodrigues, João Paulo Farias e Cláudia Regina.  O Conselho Geral é um dos órgãos do Politécnico de Lisboa, constituído por 17 professores e investigadores, 5 alunos, 1 funcionário e 10 são personalidades externas convidadas. Uma das funções mais importantes do conselho geral é a eleição do presidente do IPL. Este órgão propõe iniciativas que considere necessárias ao bom funcionamento da instituição; elege o provedor do estudante, mediante proposta da federação académica do IPL e aprova o regulamento das suas atividades; autoriza o estabelecimento de consórcios; e homologa o regulamento disciplinar dos estudantes.  
30/03/2024
Hoje, dia 30 de março, assinala-se o Dia Internacional do Resíduo Zero, uma data que nos convida a refletir sobre os nossos hábitos de consumo e produção. De acordo com dados alarmantes, os resíduos sólidos urbanos gerados pelas pessoas num único ano, se empilhados em contentores padrão, seriam suficientes para circundar o globo terrestre 25 vezes. Mais ainda, a humanidade produz incríveis 430 milhões de toneladas de plástico anualmente, sendo que dois terços destes são produtos de curta duração que acabam rapidamente descartados. Perante estes números impressionantes, torna-se crucial adotar medidas urgentes para reduzir o resíduo em todas as áreas da nossa vida. A sensibilização para a importância de práticas sustentáveis de produção e consumo é essencial para preservar os recursos naturais e proteger o meio ambiente para as gerações futuras. O ISEL junta-se a esta causa global, incentivando a comunidade académica e a sociedade em geral a repensar os seus hábitos diários. Pequenas ações, como reciclar, reutilizar produtos e reduzir o consumo desnecessário, podem ter um impacto significativo na diminuição do resíduo e na conservação do meio ambiente. No seu discurso sobre esta data, António Guterres referiu “O nosso planeta está a afogar-se numa torrente de lixo … Todos os anos, a humanidade produz mais de 2 mil milhões de toneladas de resíduos sólidos urbanos. Alimentos podres, garrafas plásticas, aparelhos eletrónicos com componentes químicos e muito outros são deitados fora sem considerar a nossa água, terra e ar. … O consumo excessivo está a matar-nos. A humanidade precisa de uma intervenção.” Uma das formas eficaz de todos darmos um contributo nesta área, é a aplicação, no nosso dia a dia, da política dos 5R’s, baseada nos princípios de "Repensar, Recusar, Reduzir, Reutilizar e Reciclar". Repensar envolve uma reflexão profunda sobre os nossos padrões de consumo e hábitos de vida, equacionando alternativas mais sustentáveis e conscientes, que poderemos adotar enquanto consumidores. Recusar envolve evitar produtos desnecessários, produtos que sabemos ter elevada pegada de carbono e embalagens excessivas. Reduzir incentiva a diminuição do consumo de alguns produtos, minimizando o desperdício desde o início. Reutilizar promove o uso prolongado dos materiais e a criatividade na transformação de resíduos em novos recursos, uteis no nosso dia a dia. Reciclar incentiva a separação correta de resíduos de forma a ser possível a sua reciclagem. Estes princípios visam reduzir o impacto ambiental e promover um estilo de vida mais sustentável e consciente. Neste Dia Internacional do Resíduo Zero, comprometamo-nos a fazer a diferença. Juntos, podemos construir um futuro mais sustentável e resiliente para todos. Ação de plantação de ilha de biodiversidade realizado no âmbito dos eco days 2024 Workshop de óleos usados realizado no âmbito dos eco days 2024